Blog

tendencias setor de energia

A TENDÊNCIA NO SETOR DE ENERGIA PARA OS PRÓXIMOS ANOS

Hoje resolvemos falar um pouco sobre sobre a tendência a respeito do setor de energia, dada a sua importância no nosso dia a dia, uma vez que na correria do dia a dia geralmente não paramos para pensar nos elementos básicos que nos cercam. Como por exemplo, não nos atentamos a quantidade de água e energia que consumimos, e principalmente, onde esses elementos são usados além das atribuições óbvias. 

Se tratando de energia, podemos encontrá-la nos mais diversos processos de produção, e em todos os setores, sejam eles de grande ou pequeno porte. Desde a luz acesa que ilumina o local de trabalho, até a eletricidade que faz as máquinas funcionarem. 

A energia elétrica é  tão importante que quando ocorrem picos de energia, todos percebem e rapidamente querem identificar as causas do ocorrido a fim de solucioná-las. Você já parou para pensar como seria sua vida se não existisse a energia elétrica? É claro que por muitos e muitos anos a humanidade viveu sem a presença da eletricidade, porém é fundamental perceber que ela possui um papel extremamente relevante no processo de evolução tecnológica e social. A energia elétrica é um componente  base na dinâmica mundial e a partir disso falaremos um pouco mais sobre os rumos do setor energético para os próximos anos. Vem conferir.

EXPANSÃO DE INVESTIMENTOS NO SETOR TECNOLÓGICO DE DESENVOLVIMENTO DE ENERGIA 

A tendência mundial para os próximos anos aponta que o setor energético receberá uma demanda de produção cada vez maior, com crescentes investimentos em tecnologias que melhorem a eficiência energética de forma cada vez mais sustentável.

Há alguns anos, a categoria de energias renováveis vem apresentando um crescimento considerável em muitos países do mundo. Assim, a cada ano que passa surge investimentos nas áreas de pesquisa voltada para o aperfeiçoamento no processo de geração de energia sustentável. Isso ocorre, pois o planeta dá indícios cada vez mais claros de que estamos esgotando suas forças e destruindo o meio ambiente com a enorme quantidade de emissão de gases poluentes. E já que grande parte das emissões é decorrente dos métodos de geração não sustentável de energia, se faz evidente a necessidade de ampliação de sistemas que gerem os menores danos possíveis.

Assim sendo, as oportunidades das pequenas empresas se ampliam junto com a necessidade de fontes de energias que abarque  esses três fatores: baixo custo de obtenção, matriz renovável e limpa, e baixa emissão de gases poluentes.

TENDÊNCIA DO SETOR DE ENERGIA NO BRASIL

A implantação de novas tecnologias e sistemas de energia no Brasil vem ocorrendo de maneira atrasada em relação a outros países. Isso se dá, segundo especialistas, principalmente por sermos dependentes de tecnologias vindas de fora do país. A falta de organização e definição de papéis entre setor público e privado, também gera motivos para esse atraso. O ideal seria que houvesse melhores investimentos na área  de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e implantação de um sistema adequado às nossas possibilidades e limitações.

Entretanto, o Brasil é um país rico em termos de recursos naturais que podem ser usados na geração de energia elétrica, este é um ponto muito positivo nas expectativas para os próximos anos.

CRESCIMENTO NO USO DE ENERGIA SOLAR E EÓLICA

Existe uma perspectiva que indica a ampliação da energia solar e eólica, chegando a representarem cerca de um terço da produção total, até o ano de 2040. Esse fato ocorre devido à busca por fontes de geração renovável e limpa, neste quesito o sol e o vento ocupam as melhores posições como matéria prima, em termos ambientais e econômicos. Se tratando de energia solar, a estimativa é de que a porcentagem de uso cresça em muitos países, no Brasil, por exemplo, ela passará a representar 20% da energia total, na Austrália essa porcentagem é ainda maior, chegando a representar 24% da energia total.

AUMENTO NA FABRICAÇÃO  E  NO CONSUMO DE PAINÉIS FOTOVOLTAICOS

Com a expansão da energia solar, consequentemente ocorrerá o aumento da procura pelos materiais usados no processo de instalação. Isso significa um possível avanço no mercado de painéis fotovoltaicos, pois é através deles que a energia solar é transformada em elétrica nas residências e comércios que aderem ao uso desta fonte de energia limpa. A procura cada vez maior por esse mercado pode gerar uma queda de até 66% no custo dos painéis, fazendo com que mais pessoas possam ter acesso à energia solar.

DIMINUIÇÃO DA GERAÇÃO POR TERMELÉTRICAS

O avanço da implantação da energia solar e eólica,  deve ocasionar na redução da geração por termelétricas. Isso representará uma queda mundial de 15% na geração de energia por carvão até 2040. Os benefícios dessa diminuição  são muito relevantes, pois nas termelétricas são utilizados muitos combustíveis fósseis que produzem uma enorme quantidade de gases poluentes que são liberados na natureza, contribuindo para o agravamento do efeito estufa.

Assim, com redução do uso de termelétricas, haverá também a diminuição da emissão desses poluentes. Outro fator benéfico é relacionado aos custos na geração de energia elétrica, uma vez que as termelétricas possuem um preço de produção muito mais caro, justamente pelo uso de combustíveis fósseis, isso resulta em preços mais altos para o consumidor.

Em contraposição, a energia solar é bem mais barata e infinitamente menos danosa se comparada àquela obtida por meio do carvão, por exemplo.

SISTEMAS DE ARMAZENAMENTO DE ENERGIA

Além do avanço no processo de produção, existe a tendência para obtenção de sistemas de armazenamento com maior capacidade, com um custo acessível, que causem menos danos ambientais após o descarte e que tenham um maior tempo de duração. O uso de baterias de armazenamento em residências e comércios tende a representar, daqui alguns anos, mais da metade do armazenamento mundial.

Assim sendo, o meio ambiente, a energia e a economia global, são três das maiores preocupações de uma sociedade que se encontra em constantes transformações. Diante disto, os investimentos em pesquisas para otimização desses 3 fatores é o que resultará em bons resultados para ambas as partes, ou seja, energia sustentável produzida em larga escala com melhor custo benefício.

Gostou do Post? Não esqueça de ler também: Financiamento de energia solar Fotovoltaica: uma mudança que ajuda o meio ambiente e também o seu bolso

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Open chat